Presos Políticos do Império| MIAMI 5      

     

Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

N o s s a   A m é r i c a

Havana, 23 Outubro de 2014

 

Chamamento da Celac a proteger direitos dos imigrantes

QUITO. — Com um chamamento a proteger os direitos dos imigrantes iniciou na cidade de Azogues, no sul do Equador, a 3ª Reunião sobre Migrações da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

Os imigrantes já não podem ser considerados só como força de trabalho, temos que cuidar de seus direitos, advertiu a vice-ministra equatoriana de Mobilidade Humana, Maria Landázuri, na inauguração da reunião de dois dias.

Segundo a funcionária, na busca de facilidades para uma emigração segura para os cidadãos da região devem estar envolvidos tanto os governos dos países de origem como os de destino, bem como a população em geral.

Landázuri explicou que esta reunião da Celac, onde participam representantes dos 33 países membros do bloco regional, tem como objetivo trocar experiências e encontrar pontos de consenso. E expressou que os acordos tomados serão entregues à Organização das Nações Unidas e à presidência da Celac, noticiou a Prensa Latina.

Os especialistas do bloco regional, um de cujos desafios, segundo a chanceler equatoriana, será elaborar um plano estratégico para proteger os imigrantes, também trataram o tema da emigração de menores não acompanhados e a reunificação familiar.

Segundo a agenda, também serão analisados os mecanismos sub-regionais de proteção e resposta, migração e desenvolvimento, e os avanços e perspectivas nesta matéria entre a União Européia e a Celac. (PL)
 

IMPRIMIR ESTE MATERIAL


Diretor Geral: Pelayo Terry Cuervo. Diretor Editorial: Gustavo Becerra Estorino
HOSPEDAGEM: Teledatos-Cubaweb. Havana
Granma Internacional Digital: http://www.granma.cu/

  Inglês | Francês | Espanhol | Alemão | Italiano | Só TEXTO
Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

© Copyright. 1996-2013. Todos os direitos reservados. GRANMA INTERNACIONAL/ EDICAO DIGITAL

Subir