Presos Políticos do Império| MIAMI 5      

     

Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

N o s s a   A m é r i c a

Havana, 21 Maio de 2014

 

Novas tormentas em Washington pela liberdade dos antiterroristas cubanos

Nuria Barbosa León

O Comitê Internacional pela liberdade dos lutadores antiterroristas cubanos presos nos Estados Unidos convoca para 7 de junho próximo para um protesto ante a Casa Branca em Washington para pedir ao presidente Barack Obama mudar a política de hostilidade com Cuba, que dura mais de 50 anos.

Na marcha participarão os assistentes da 3ª Jornada de denuncia e solidariedade, que terá lugar de 4 a 11 de junho na capital dos Estados Unidos, e que tem entre seus principais temas exigir a liberdade dos patriotas Gerardo Hernández, Ramón Labañino e Antonio Guerrero, ainda presos em cárceres federais porque seus irmãos de causa René González e Fernando González já cumpriram suas injustas condenações por desarticular ações terroristas anticubanas organizadas na Flórida.

Vozes de todas partes do mundo se reunirão frente à mansão executiva pra também exigir o fim do bloqueio econômico, financeiro e comercial contra Cuba, solidarizar-se com a independência do Porto Rico, exigir o fechamento da base naval de Guantánamo, e clamar pela paz mundial e pelo fim das guerras de intervenção.

O site http://www.thecuban5.org publicou que a jornada se chama: "5 dias pelos Cinco em Washington D.C", e que as atividades iniciarão com um evento para os meios de comunicação que terá lugar no Clube nacional da Imprensa, com participação online de Fernando e René (através da rede social Skype), que responderão inquietudes dos internautas.

Juntamente com eles também vão intervir Martin Garbus, advogado do caso e o autor canadense Stephen Kimber. O evento contará com a participação de personalidades como a reverenda Joan Brown Campbell, ex-secretária-geral do Conselho nacional de Igrejas dos EUA e ao ator Danny Glober.

Nos dias 5 e 6 de junho terá lugar uma conferência de dois dias, intitulada "Nova era nas relações EUA-Cuba", que pretende chamar a atenção sobre a necessidade de uma mudança na política da administração estadunidense com a nação caribenha, um reclamo crescente em nível internacional e nos próprios Estados Unidos.

A jornada também inclui vídeos curtos, uma mesa-redonda e um painel de especialistas para debater sobre as conseqüências do bloqueio para o povo cubano, o processo de atualização econômica na Ilha, a proibição das viagens de cidadãos norte-americanos, a imposição de sanções a empresas que comerciam com Cuba e a espionagem nas redes sociais.

No dia 6, à noite, artistas locais oferecerão um concerto de arte e musica, protagonizado pelo destacado dueto hip hop Dead Prez e outros interpretes progressistas do continente.

Graciela Ramírez, membro do comitê internacional explicou ao Granma Internacional que nos dias 9 e 10 visitarão os escritórios de congressistas e senadores em Washington: "Novamente neste ano se reunirão parlamentares de diversas partes do mundo para exigir a seus homólogos norte-americanos ações a favor da liberdade destes homens".

Os Cinco, como são conhecidos internacionalmente, foram presos em 12 de setembro de 1998, enquanto velavam planos de grupos terroristas domiciliados no sul da Flórida. O julgamento que receberam numa corte de Miami em 2001 tem sido amplamente criticado por arbitrariedades e falta de garantias.

O encontro de Washington DC é o segundo de três importantes eventos neste ano: o primeiro foram as sessões da Comissão Internacional de Investigação sobre o caso dos Cinco, efetuadas no início de março em Londres, Grã-Bretanha, e o outro um encontro mundial de solidariedade que terá como sede Havana, Cuba, em outubro próximo.
 

IMPRIMIR ESTE MATERIAL


Diretor Geral: Pelayo Terry Cuervo. Diretor Editorial: Gustavo Becerra Estorino
HOSPEDAGEM: Teledatos-Cubaweb. Havana
Granma Internacional Digital: http://www.granma.cu/

  Inglês | Francês | Espanhol | Alemão | Italiano | Só TEXTO
Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

© Copyright. 1996-2013. Todos os direitos reservados. GRANMA INTERNACIONAL/ EDICAO DIGITAL

Subir