Presos Políticos do Império| MIAMI 5      

     

Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

E S P O R T E S

Havana. 17 Novembro, de 2014

O pulso dos Jogos

Hoje, 17 de novembro, Cuba aspira a obter 25 dos 31 títulos em disputa

Oscar Sanchez Serra, enviado especial

 VERACRUZ.— Após terminar o primeiro fim de semana dos 22os Jogos Centro-americanos e do Caribe, que vêm sendo efetuados em cinco cidades deste Estado mexicano, a luta pela conquista das medalhas de ouro vai favorecendo a representação esportiva mexicana, com uma vantagem de 11 medalhas, após finalizar a jornada do domingo 16 de novembro.

 A delegação mexicana, que além de ser contar com a condição de favorita e participar em 108 provas, em várias disciplinas, nas quais Cuba não estará presente, teve no taekwondo e no triatlo os vencedores das medalhas, com quase metade dos 23 triunfos conseguidos até o momento. Os taekwondocas mexicanos conseguiram seis dos oito títulos disputados até agora, enquanto no triatlo obtiveram as cinco medalhas de ouro desse esporte, que foi o primeiro a concluir.

 Na natação e no nado sincronizado, os mexicanos obtiveram três medalhas de ouro enquanto que no remo apenas ganharam uma. No remo e no tiro esportivo é onde os cubanos conseguiram tirar a maior vantagem.

 Hoje, Cuba estará presente em 25 das 31 provas finais, tendo as maiores possibilidades de subir ao mais alto do pódio nas modalidades de tiro esportivo, pistola livre, pentatlo moderno, em quatro finais do ciclismo, e na prova do sratch, com Arelnis Sierra.

 Até agora, para Cuba as coisas vão correndo bem, segundo o previsto, e de acordo com os cálculos, só perdeu até agora a medalha de ouro na modalidade de K-1 a mil metros, que devia ter ganho.
 

IMPRIMIR ESTE MATERIAL


Diretor Geral: Pelayo Terry Cuervo. Diretor Editorial: Gustavo Becerra Estorino
HOSPEDAGEM: Teledatos-Cubaweb. Havana
Granma Internacional Digital: http://www.granma.cu/

  Inglês | Francês | Espanhol | Alemão | Italiano | Só TEXTO
Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

© Copyright. 1996-2013. Todos os direitos reservados. GRANMA INTERNACIONAL/ EDICAO DIGITAL

Subir