Presos Políticos do Império| MIAMI 5      

     

Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

E S P O R T E S

Havana. 12 Fevereiro, de 2014

GRAND SLAM DE JUDÔ
Cuba termina com medalha de bronze

CUBA terminou, no domingo, 9 de fevereiro, o Grand Slam de Judô de Paris com uma medalha de bronze, ganha por Idalys Ortiz em mais de 78 quilos. O Japão ocupou a primeira colocação, com quatro medalhas de ouro, uma de bronze e seis de prata.

Com só nove competidores, os discípulos de Ronaldo Veitia (4) e Justo Noda (5), tiveram a melhor atuação com Ortiz, que ganhou por ippón da brasileira Maria Suelen Altheman, no combate pela medalha de bronze.

No total, a líder atual do ranking do mundo em sua divisão e dona de medalhas olímpica e mundial terminou com vitórias ante a russa Ksenia Chibisova, Jauzmaa Odkhun, da Mongolia, e Altheman, do Brasil, e derrota ante a britânica Sarah Adlington.

Por sua vez, o cubano Oscar Brayson (+100 kg) esteve perto do pódio, ao perder por ippón, no combate pela medalha de bronze, para o russo Renat Saidov, que finalmente ganhou medalha de prata.

A outra derrota de Brayson, medalha olímpica e mundial, foi ante o japonês Ryu Shichinohe (medalha de ouro) mas antes venceu do russo Aslen Kambiev, do argelino Bilal Zouani e do alemão Andre Breitbarth, em todos os casos por ippón, resultado geral que o deixou na quinta colocação.

Também competiram por Cuba Asley González (90 kg), primeiro lugar no ranking, vice-campeão olímpico e campeão mundial, e Iván Silva (81 kg), que terminaram com um triunfo e uma derrota cada um, enquanto José Armenteros (100 kg) perdeu em seu primeiro combate.

Na data inicial do evento, o desempenho mais destacado de Cuba foi o de Maria Celia Laborde e Dayaris Mestre, ambas nos 48 kg, que terminaram quinto e sétimo lugar, respectivamente.

A seguir do Japão (quatro medalhas de ouro, uma de prata e seis de bronze) no quadro de medalhas por países ficou o anfitrião França (2-5-5) e a Coreia do Sul (2-0-1), enquanto Cuba (0-0-1) terminou na 15ª colocação, graças também a seus dois quintos lugares e um sétimo.

Os três primeiros lugares do torneio feminino foram para as japonesas (3-1-2), francesas (1-4-3) e holandesas (1-0-2), segundo o site do certame, que reuniu 472 atletas — 293 homens e 179 mulheres — de 73 nações.

No masculino, o primeiro lugar foi para a Coreia do Sul (2-0-1), seguida da Geórgia (1-2-0) e França (1-1-2). (AIN)

 

IMPRIMIR ESTE MATERIAL


Diretor Geral: Pelayo Terry Cuervo. Diretor Editorial: Gustavo Becerra Estorino
HOSPEDAGEM: Teledatos-Cubaweb. Havana
Granma Internacional Digital: http://www.granma.cu/

  Inglês | Francês | Espanhol | Alemão | Italiano | Só TEXTO
Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

© Copyright. 1996-2013. Todos os direitos reservados. GRANMA INTERNACIONAL/ EDICAO DIGITAL

Subir