Presos Políticos do Império| MIAMI 5      

     

Só TEXTO|Assinatura jornal impreso| 

 C U B A

Havana. 5 Novembro, de 2014

Empresas estrangeiras mostram interesse de investir em Cuba

Durante a jornada ressaltaram-se as vantagens que oferece a Zona Especial de Desenvolvimento de Mariel

Yudy Castro Morales e Lorena Sánchez

 NOS fins do presente ano ou nos começos do próximo devem começar a estabelecer-se os primeiros projetos ou empreendimentos na Zona Especial de Desenvolvimento de Mariel (ZEDM), os quais são norteados ao setor agro alimentar, a indústria leve, a construção e a energia renovável.

A diretora-geral do Gabinete da ZEDM, Ana Teresa Igarza Martínez, assegurou, ainda, que mais de trinta países já fizeram propostas de empreendimentos, embora a Espanha, Itália, China, Rússia, França, Vietnã, Brasil, México, Holanda e Canadá sejam os mais representados.

 Durante a realização do fórum de negócios da Zona, na terça-feira, 4 de novembro, no âmbito da Feira Internacional de Havana (Fihav 2014), a especialista aprofundou nos 25 projetos incluídos na carteira de oportunidades apresentada por Cuba e que pretendem colocar-se ali. Os mesmos priorizam, entre outros ramos, a indústria siderúrgica e mecânica, química e eletrônica, a biotecnologia e a produção de medicamentos.

 Igarza Martínez sublinhou que “já a Zona conta com a infraestrutura básica para o estabelecimento dos primeiros investidores, quer dizer: eletricidade, água, comunicações informáticas, tão só vem faltando o nivelamento das parcelas e a possibilidade de levar estes serviços para o interior das instalações”. E afirmou “A vontade política de nossa máxima direção tem sido a de criar as primeiras condições com recursos próprios, portanto é preciso fazer um planejamento adequado do crescimento”.

  Durante o foro também foram ressaltadas as vantagens que oferece a Zona, desde um marco regulador atraente, com um regime tributário especial, até o sistema de aprovação ágil e o acompanhamento permanente e eficiente do Gabinete aos investidores.

 Ainda, foi dado a conhecer o guia do investidor, documento que coloca Cuba dentro do contexto internacional, e reflete as suas potencialidades de investimento, ambiente, cultura e indicadores sociais.
 

IMPRIMIR ESTE MATERIAL


Diretor Geral: Pelayo Terry Cuervo. Diretor Editorial: Gustavo Becerra Estorino
HOSPEDAGEM: Teledatos-Cubaweb. Havana
Granma Internacional Digital: http://www.granma.cu/

  Inglês | Francês | Espanhol | Alemão | Italiano | Só TEXTO
Só TEXTO / Assinatura jornal impreso

© Copyright. 1996-2014. Todos os direitos reservados. GRANMA INTERNACIONAL/ EDICAO DIGITAL

Subir